Enquete do PL 3292/2020

Resultado

Resultado parcial : desde 15/06/2020

Opção Participações Percentual
Concordo totalmente 8 5%
Concordo na maior parte 3 2%
Estou indeciso 0 0%
Discordo na maior parte 6 3%
Discordo totalmente 154 90%

O que foi dito

Pontos mais populares

Ponto positivo: Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat volupat. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipscing elit, sed diam nonummy nibh erat volupat.

Fulano de tal Data 00/00/0000
0 gostaram

Ponto negativo: Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat volupat. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipscing elit, sed diam nonummy nibh erat volupat.

Fulano de tal Data 00/00/0000
0 gostaram

Todos os pontos levantados pelos usuários

Exibindo resultados 1 a 10 de 19 encontrados.

Baixar
  • Ponto negativo: Esse PL vai contra as diretrizes do PNAE, além de valorizar grandes corporações em detrimento de povos tradicionais. Um verdadeiro ataque à cultura alimentar

    Mariana Lessa Data 18/07/2021
    1 gostaram
  • Ponto negativo: A retirada da prioridade de quilombolas e indígenas é um retrocesso, tentar equipará-los a outro tipo de produtores demonstra o total desconhecimento da realidade desses povos. Abrir brechas para atingir a renda de quem já recebe tão pouco é desleal. Ademais irá prejudicar os alunos, no que diz respeito ao consumo de alimentos saudáveis , visto que, a produção de comunidades tradicionais em sua grande maioria tratam-se de produtos orgânicos.

    Matheus Ribeiro da Silva Data 07/05/2021
    5 gostaram
  • Ponto negativo: Se a localidade não tiver disponibilidade, os alunos serão prejudicados. Logo, seria válido relativizar, se tem oferta suficiente, vale o projeto, caso contrário, deixe uma exceção. Outro ponto importante seria a perecibilidade do produto, haja vista seu caráter ''in natura'', sua qualidade deve ser sempre testada e garantida, não obstante qualquer falta de cuidado pode acarretar tanto riscos de saúde como prejuízo financeiro. pode levar

    lea Brito Data 06/05/2021
    3 gostaram
  • Ponto positivo: Diante do cenário econômico local, isso ajudaria do pequeno ao grande produtor, dependendo da localização, claro.

    lea Brito Data 06/05/2021
    0 gostaram
  • Ponto negativo: Essas mudanças não são boas para a alimentação escolar, não respeitam a diversidade cultural e regional . É um ataque aos direitos sociais e a prioridade dos grupos indígenas e quilombolas de fornecer alimentos.

    Telma Castello Branco Data 05/05/2021
    3 gostaram
  • Ponto negativo: O Programa Nacional de Alimentação Escolar tem uma legislação que promove a alimentação saudável, a aquisição de alimentos regionais e da agricultura familiar. Além disso, o PNAE segue as diretrizes do Ministério da Saúde e sua legislação é considerado um caso de sucesso no mundo. Não há sentido colocar um percentual tão elevado que irá descaracterizar as refeições oferecida aos escolares. Além disso, o projeto ignora que é possível adquirir leite de agricultores familiares. Uma lástima!

    Daniel Bandoni Data 27/04/2021
    1 gostaram
  • Ponto negativo: Visa incluir um alimento que não é encontrado com facilidade em quantidade suficiente em todos os municípios, além de não substituir o biscoito como consta na justificativa do PL, e, ainda tira do nutricionista, a autonomia de realizar o cardápio adequado a cada região.

    Adelson Oliveira Silva Data 31/03/2021
    1 gostaram
  • Ponto positivo: Tornam obrigatória a oferta de carne suína, ao menos uma vez por semana, e criam reserva de mercado para o leite fluido, o que deixa o PNAE vulnerável a todo tipo de lobby da indústria de alimentar Retiram dos/as nutricionistas a prerrogativa de elaboração dos cardápios, que deve se pautar pela cultura alimentar e produção local, sustentabilidade, sazonalidade, diversificação e a alimentar. Tem parecer contrário até da área do FNDE Retiram a prioridade dada as comunidades tradicionais

    Ednei Morais Data 26/03/2021
    3 gostaram
  • Ponto negativo: Retira a prerrogativa e responsabilidade dos nutricionistas na elaboração de cardápios.

    Pri Figueiredo Freitas Data 24/03/2021
    1 gostaram
  • Ponto negativo: Não há pontos positivos nesse projeto. O programa deve continuar respeitando os hábitos regionais e o nutricionista de cada entidade executora deve definir quais alimentos adquirir.

    Flávia Ramos Data 23/03/2021
    1 gostaram
vote nesta enquete