Enquete: PL 1549/2003

Resultado final

Opção Quantidade de pessoas que responderam Percentual
Concordo totalmente 483 92%
Concordo na maior parte 9 3%
Estou indeciso 0 0%
Discordo na maior parte 2 0%
Discordo totalmente 27 5%

O que foi dito

Pontos Positivos

Pontos positivos enviados por outras pessoas.

38 enviados até agora
  • Regulamentação da Acupuntura.

    Enviado por Wiliam Sarandy
  • Saúde ao alcance de todos

    Enviado por Cláudia Bertoli
  • A regulamentação da profissão será bom para que a população tenha profissionais mais capacitados na disciplina.

    Enviado por Elaine Oliveira
  • O PL 1549 preserva os direitos do Acupunturistas Clássicos e por si deve ser aprovado!

    Enviado por Gabriel Lopes Unilogos
  • Aumenta a oferta do serviço de acupuntura nas redes públicas diminuindo a saturação que temos na saúde do Brasil.

    Enviado por Camila Jaques

Pontos Negativos

Pontos negativos enviados por outras pessoas.

7 enviados até agora
  • Retira do mercado de trabalho excelentes acupunturistas, por não serem médicos. Quando o Ministério da Saúde declarou que a Acupuntura é de todos.

    Enviado por Maresha Vaz Sansaloni
  • Deve ser para todos profissionais da área da saúde!!!

    Enviado por Regina Menegassi De Sales Savioli
  • A proposta prejudica a população em receber os benefícios das práticas integrativas limitando exercer a função apenas a alguns profissionais, enquanto temos em nosso país muitos profissionais da área da saúde competentes e que estão preparados para exercer a acupuntura

    Enviado por Tatiane Rafaela R. da Silva
  • O Profissional médico diagnostica a doença a ser tratada. Por isso só ele pode ser o que trata.

    Enviado por Luiz Otavio Nogueira da Silva
  • Todo profissional que estuda práticas alternativas, procuram (em sua maioria) estudos de especialização fora do Brasil (na China, índia, Japão, Tailândia) com profissionais não médicos. Como que eles aprendem com não médicos, e agora querem limitar a profissão aos médicos?

    Enviado por Midiam Vieira Rodrigues
Política de uso